Calendário Económico – Tenha 1 Sempre Consigo

Os melhores corretores de opcoes binarias 2020:
  • FinMax
    FinMax

    O melhor corretor!
    Conta demo gratuita e treinamento para iniciantes!
    Inscreva-se bonus!

  • Binomo
    Binomo

    Corretor de opcoes binarias confiavel! Boa resposta!

O que é um Calendário Económico?

O Calendário Económico é um calendário específico que nos dá as notícias que interferem com os mercados financeiros globais.

É importante seguirmos este calendário, pois é frequente as noticias alterarem a tendência do mercado.

A ideia é simples de explicar e entender.

A maior parte das pessoas que negoceiam nos mercados financeiros, como Forex ou Opções Binárias, usam estratégias de negociação baseadas em indicadores técnicos.

A maioria destes indicadores técnicos são algoritmos matemáticos que buscam os dados do passado, para tentar prever as evoluções dos preços no futuro, e desta forma “adivinharmos” se um determinado ativo irá subir ou descer.

Como há notícias que são importantes, os seus resultados, acima ou abaixo das expetativas, tendem a fazer alterar a direção dos preços do ativo e desta forma indo contra a previsão destes indicadores.

Isto porque um determinado resultado de uma notícia importante poderá determinar se o preço desce ou sobe, interrompendo a evolução que ele vinha fazendo baseado num movimento “normal” técnico.

Daí que é fundamental antes de iniciar uma negociação saber se existe alguma notícia que possam mexer com o mercado.

Os melhores corretores de opcoes binarias 2020:
  • FinMax
    FinMax

    O melhor corretor!
    Conta demo gratuita e treinamento para iniciantes!
    Inscreva-se bonus!

  • Binomo
    Binomo

    Corretor de opcoes binarias confiavel! Boa resposta!

Se sim, então não use a sua análise técnica no momento.

Aguarde pelo menos 30 minutos depois da notícia sair para ver que influência ela teve no mercado.

Abaixo temos um link para o melhor calendário económico do mercado.

Como usar o Calendário Económico:

Neste sentido e para evitar as surpresas que as notícias podem trazer, o meu conselho é estarmos sempre atentos às notícias do dia e às horas em que elas saem seguindo o Calendário Económico.

O conselho que dou sempre aos meus alunos nas aulas é de antes de iniciarem a negociar, a primeira coisa a fazer todos os dias é irem verificar quais as noticias importantes do dia e evitarem negociar nos ativos que têm notícias importantes às horas que elas são divulgadas.

Desta forma evitam que um resultado de uma notícia interfira com a sua estratégia, ou com a análise de subida ou descida que a sua análise lhe indicava naquele momento.

Por outro lado, quem usa a estratégia de Estratégia para Notícias deve usar o calendário como suporte de negociação.

O calendário económico que eu uso é o da ForexFactory.

Os calendários económicos são gratuitos.

Este site é especialista em Forex e tem ainda um Fórum muito útil.

Neste calendário económico, deve ter atenção ás notícias com o icon vermelho.

Estas são as que realmente interessam e mexem com o mercado.

Opções Binárias na IQ Option com rentabilidades até 100%

As amarelas e laranjas, normalmente nunca têm impacto no mercado.

As cinzentas são apenas informativas.

Existem outros, como o da Investing, mas este foi o que eu sempre usei e acho que é o melhor.

Se pretender também pode usar a APP deles para iOS e Android.

No caso de usar o calendário económico da Investing as notícias importantes neste calendário são marcadas por 3 cabeças de touros.

São as que deve ter em atenção, pois são as que mexem com o mercado.

Para entender e usar o Calendário Económico da Forex Factory deve primeiro alterar o horário de forma que ele coincida com o seu computador.

Se quiser entender como as notícias mexem com o mercado não deixe de ler o meu artigo sobre Negociar nas Notícias.

Também nos meus cursos de Opções Binárias tenho toda uma parte dedicada ás notícias, pois há estratégias e cuidados a ter quando negociamos nas notícias.

Além disso, há notícias específicas que fazem o mercado mexer normalmente sempre da mesma forma.

Este tipo de notícias quando existem são uma muito boa fonte de lucros, pois o mercado quase sempre reaje da mesma forma a elas.

Na Nossa Rubrica “Conselhos n’1 Minuto” Abordamos este Tema, Assista ao Vídeo Abaixo

O Comité Económico e Social Europeu

O Comité Económico e Social Europeu (CESE) é um órgão consultivo da União Europeia. É composto por 329 membros. A sua consulta pela Comissão, pelo Conselho ou pelo Parlamento pode ser obrigatória, nos domínios estabelecidos nos Tratados, ou facultativa. O Comité pode também emitir pareceres por iniciativa própria. Os seus membros não estão vinculados a quaisquer instruções. Exercem as suas funções com total independência, no interesse geral da União.

Base jurídica

Artigo 13.º, n.º 4, do TUE, artigos 300.º a 304.º do TFUE, Decisão (UE) 2020/853 do Conselho que determina a composição do Comité Económico e Social Europeu e subsequentes decisões do Conselho que nomeiam os membros do Comité Económico e Social Europeu propostos por diferentes Estados-Membros, Decisão 2020/1600 do Conselho que nomeia os membros do Comité Económico e Social Europeu pelo período compreendido entre 21 de setembro de 2020 e 20 de setembro de 2020.

Composição

A. Número e repartição dos lugares (artigo 301.º do TFUE e Decisão (UE) 2020/853 do Conselho que determina a composição do Comité Económico e Social Europeu)

Atualmente, o CESE é composto por 329 membros, que se encontram repartidos do seguinte modo entre os diversos Estados-Membros:

  1. 24 para a Alemanha, a França e a Itália;
  2. 21 para a Polónia e a Espanha;
  3. 15 para a Roménia;
  4. 12 para a Áustria, a Bélgica, a Bulgária, a Grécia, a Hungria, os Países Baixos, Portugal, a República Checa e a Suécia;
  5. 9 para a Croácia, a Dinamarca, a Finlândia, a Irlanda, a Lituânia e a Eslováquia;
  6. 7 para a Estónia, a Letónia e a Eslovénia;
  7. 6 para o Luxemburgo e Chipre;
  8. 5 para Malta;

Em termos globais, a dimensão do Comité foi reduzida de 350 para 329 membros a partir de 1 de fevereiro de 2020 (na sequência da saída do Reino Unido da UE).

B. Modo de nomeação (artigo 302.º do TFUE)

Os membros são nomeados pelo Conselho, deliberando por maioria qualificada, com base nas propostas apresentadas pelos Estados-Membros[1]. O Conselho consulta a Comissão sobre estas nomeações (artigo 302.º, n.º 2, do TFUE). Os Estados-Membros devem assegurar uma representação adequada dos diferentes setores económicos e sociais. Na prática, um terço dos lugares é atribuído aos empregadores, um terço aos assalariados e um terço às restantes categorias (agricultores, comerciantes, profissões liberais, consumidores, etc.).

O número máximo de membros do CESE permitido pelo Tratado de Lisboa é 350 (artigo 301.º do TFUE). Este número foi ligeiramente ultrapassado entre julho de 2020 e setembro de 2020, devido à adesão da Croácia, em 1 de julho de 2020. O aditamento de nove novos lugares para o novo Estado-Membro elevou o número de membros para 353 (anteriormente 344). A Decisão (UE) 2020/1157 do Conselho adaptou a composição do CESE na sequência da adesão da Croácia, tendo reduzido em um o número de membros da Estónia, de Chipre e do Luxemburgo para solucionar a discrepância entre o número máximo de membros do CESE previsto no artigo 301.º, primeiro parágrafo, do TFUE e o número de membros após a adesão da Croácia. Por conseguinte, o número de membros do Luxemburgo e de Chipre sofreu, em cada um dos casos, uma redução de seis para cinco e o número de membros da Estónia baixou de sete para seis. A Decisão (UE) 2020/853 do Conselho determinou finalmente a composição do CESE em consonância com a distribuição de lugares no Comité das Regiões, que também dispõe de 329 membros devido à saída do Reino Unido da UE, de que resultou a vacatura de 24 lugares. Consequentemente, o número de membros do Luxemburgo e de Chipre foi novamente aumentado de cinco para seis e o número de membros da Estónia de seis para sete.

C. Natureza do mandato (artigo 301.º do TFUE)

Os membros do Comité são designados pelos governos nacionais e nomeados pelo Conselho por um período de cinco anos, renovável (artigo 302.º do TFUE). São provenientes de grupos de interesses económicos e sociais na Europa. A última renovação ocorreu em outubro de 2020 para o mandato de 2020.

Os membros do Comité pertencem a um de três grupos:

Os membros do Comité Económico e Social exercem as suas funções com total independência, no interesse geral da União (artigo 300.º, n. 4, do TFUE). Sempre que o lugar de um membro ou membro suplente do CESE fique vago na sequência da cessação do seu mandato, é necessária uma decisão separada do Conselho para substituir esse membro.

Organização e regras de funcionamento

O CESE não faz parte das instituições da União enumeradas no artigo 13.º, n.º 1, do TUE (embora o n.º 4 deste artigo refira que o Parlamento Europeu, o Conselho e a Comissão são assistidos pelo CESE, que exerce funções consultivas), mas tem de facto uma grande autonomia em termos de organização e funcionamento.

  1. O Comité designa, de entre os seus membros, o Presidente e a Mesa, para um mandato de dois anos e meio.
  2. O Comité estabelece o seu regulamento interno.
  3. Pode reunir-se por iniciativa própria, mas reúne-se habitualmente a pedido do Conselho ou da Comissão.
  4. Para o auxiliar na elaboração de pareceres, dispõe de seis secções especializadas nos diferentes domínios de atividade da UE (pode, além disso, instituir subcomités para abordar determinados assuntos):
    1. Agricultura, Desenvolvimento Rural e Ambiente (NAT);
    2. União Económica e Monetária e Coesão Económica e Social (ECO);
    3. Emprego, Assuntos Sociais e Cidadania (ECO);
    4. Relações Externas (REX);
    5. Mercado Único, Produção e Consumo (INT);
    6. Transportes, Energia, Infraestruturas e Sociedade da Informação (TEN).

Para fins de obtenção de sinergias, o Comité partilha os serviços do seu secretariado permanente em Bruxelas com o secretariado do Comité das Regiões (relativamente à questão da sede em Bruxelas ver Protocolo n.º 6 do Tratado de Lisboa relativo à localização das sedes das instituições). A Mesa do Parlamento Europeu chegou igualmente a acordo com o Comité, no âmbito do processo orçamental de 2020, com vista à obtenção, em conjunto, de ganhos de eficiência no domínio da tradução. O Comité dispõe de um orçamento administrativo anual de 131 milhões de euros, inscritos na secção VI do orçamento da UE (exercício de 2020).

Competências

O Comité foi instituído pelos Tratados de Roma de 1957 com o objetivo de envolver os grupos de interesses económicos e sociais no estabelecimento do mercado comum e de proporcionar um mecanismo institucional para informar a Comissão e o Conselho de Ministros sobre questões europeias. O Ato Único Europeu (1986) e o Tratado de Maastricht (1992) alargaram o âmbito das questões que devem ser submetidas à apreciação do Comité. O Tratado de Amesterdão alargou ainda mais os domínios de consulta do Comité e permitiu que o mesmo fosse consultado pelo Parlamento. Em média, o CESE emite 170 documentos de consulta e pareceres por ano (dos quais cerca de 15 % são emitidos por sua própria iniciativa). Os pareceres são publicados no Jornal Oficial. O Comité exerce funções consultivas (artigo 300.º do TFUE). O seu papel consiste em comunicar às instituições responsáveis pelo processo decisório da União o parecer dos representantes da atividade económica e social.

A. Emissão de pareceres a pedido de instituições da União

1. Consulta obrigatória

O Tratado prevê que, em determinados domínios, só pode ser tomada uma decisão após consulta do Comité pelo Conselho ou pela Comissão. Trata-se dos seguintes domínios:

  1. política agrícola (artigo 43.º);
  2. livre circulação de pessoas e de serviços (artigos 46.º, 50.º e 59.º);
  3. política de transportes (artigos 91.º, 95.º e 100.º);
  4. harmonização da tributação indireta (artigo 113.º);
  5. aproximação das legislações no domínio do mercado interno (artigos 114.º e 115.º);
  6. política de emprego (artigos 148.º, 149.º e 153.º);
  7. política social, educação, formação profissional e juventude (artigos 156.º, 165.º e 166.º);
  8. saúde pública (artigo 168.º);
  9. proteção do consumidor (artigo 169.º);
  10. redes transeuropeias (artigo 172.º);
  11. política industrial (artigo 173.º);
  12. coesão económica, social e territorial (artigo 175.º);
  13. investigação e desenvolvimento tecnológico e espaço (artigos 182.º e 188.º);
  14. ambiente (artigo 192.º).

2. Consulta facultativa

O Comité pode igualmente ser consultado sobre quaisquer outras matérias pelo Parlamento, pela Comissão ou pelo Conselho, se estas instituições considerarem que tal é adequado. Sempre que decidam consultar o Comité (a título obrigatório ou facultativo), essas instituições podem fixar um prazo (nunca inferior a um mês) para a apresentação de um parecer; decorrido esse prazo sem que tenha sido recebido o parecer, pode prescindir-se deste (artigo 304.º do TFUE).

B. Emissão de parecer por iniciativa do próprio Comité

O Comité pode tomar a iniciativa de emitir um parecer, sempre que o considere oportuno.

I tuoi dati, la tua esperienza

Yahoo fa parte del gruppo Verizon Media. Clicca su ‘Accetto’ per consentire a Verizon Media e ai nostri partner di utilizzare i cookie e tecnologie simili per accedere al tuo dispositivo e utilizzare i tuoi dati (inclusi quelli di posizione) per comprendere i tuoi interessi, fornirti annunci personalizzati e valutarli. Inoltre, ti mostreremo annunci personalizzati sui prodotti dei partner. Per ulteriori informazioni su come usiamo i tuoi dati, consulta il nostro Centro per la Privacy. Una volta confermate qui le tue scelte in materia di privacy, potrai apportare modifiche in qualsiasi momento visitando la tua Dashboard Privacy.

Clicca su ‘Altre info‘ per scoprire di più e per personalizzare il modo in cui Verizon Media e i nostri partner raccolgono e utilizzano i dati.

Os melhores corretores de opcoes binarias 2020:
  • FinMax
    FinMax

    O melhor corretor!
    Conta demo gratuita e treinamento para iniciantes!
    Inscreva-se bonus!

  • Binomo
    Binomo

    Corretor de opcoes binarias confiavel! Boa resposta!

Quanto você pode ganhar em opções binárias?
Deixe uma resposta

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!: